Escritora Palestrante Humanista
Escritora
- Poemas e Pensamentos - - Poemas -
  • Alvorada

 

A minha memória é uma selva.

Arrogante, bruta, delicada, úmida.

Cheia – silhuetas de desordenados pirilampos.

 

Investigo o novo entre trovões e relâmpagos.

Salvo de escombros a seiva penumbra

onde a mente grávida e impaciente perde a dúvida.

 

Delírios de penetrantes devaneios seguro.

Enlouqueço em sutis horizontes perdidos

e finalmente vibro na invisibilidade do futuro.

  • De Mansinho

 

Atravesso sombras

chapinhando na cola do caminho.

Rolo nas alfombras

só permitidas em pensamento.

 

Te vou amando de mansinho

no silêncio de castiçais...

me embrulhando em cristais

só acariciados pelo vento.

  • Imensidão

 

Amo tanto, mas tanto

e sem como extravasar...

No universo inteiro

há apenas um lugar

onde poderei desaguar...

Nos teus lábios,

no teu corpo,

na tua alma.

  • Elemento

 

Queria ser pássaro

vesti-me de penas.

Queria ser água

enchi-me de lágrima.

Queria ser terra

fui mal germinada.

Queria ser fogo

fui fulminada.

Queria ser livre

amei.

Veio o vento

blew me away.

 

  • Noite de Sábado

 

Noite de sábado,

saí!

Maquinalmente olhei

entre a multidão,

que quando aumenta se reduz.

Procurei,

mas tu não és daqui,

deste movimento,

desta meia-luz.

Desses que precisam beber

para sentir fingindo,

forçando o rir

de sabor mal sentido

ou beijo mal acabado,

onde o que não acredita

força o pensamento mal pensado;

com atitude procurando

premeditada palavra.

Vitória em engano

de ritmo sem ouvido,

de dança nunca vibrada;

de sucos desejosos;

em beijos copiados;

de lavar de sexos

e espíritos frustrados.

  • Hakai

 

Prisão psíquica

Atravessando tempos

Hoje renasce.

 

 

- Pensamentos -

A tragédia humana não é a nossa humanidade,

mas a ignorância que leva a permitir que nos desumanizem.

Finalmente a luz do Princípio Feminino

está rompendo as trevas do mundo.

Tenhamos esperança.

Para ajudar os outros nas suas sombras,

Enfrente as suas e encontre os pontos similares.

Depois acenda a luz.

Apenas conjeturas da desrazão nos

poderão levar a descobrir incógnitas.

Ser feliz não é uma questão de destino,

é uma questão de inteligência.

Todos temos um guru no nosso interior.

É na tristeza e na alegria que a alma melhor

pode ouvi-lo.

Só temos de silenciar a mente e sentir, pois

a voz do poder universal que tudo permeia

não se ouve, sente-se.

E-mail:

contato@rosadesouza.com

Desenvolvido e Hospedado pela furlanproducoes.com - siteagora.com