flor   MEDO

 

Por séculos os medos humanos têm sido representados nas histórias infantis pelos dragões. São os medos que colocam todos os limites nas nossas vidas e possibilidades, inclusive o medo de aprender, o que leva à ignorância e esta leva à criação de mais medos. A força do mal é medo. A força que não nos deixa evoluir mais rapidamente é o medo. O ódio e a violência têm por raiz o medo. O medo é o maior inimigo do ser humano, porque é ele que o impede de progredir.

Para atingir nossos objetivos não podemos ter medo. Algumas pessoas têm uma má relação com a casa onde vivem. Modifiquem, mudem, vendam, mas procurem ser felizes. Não tenha medo de dar passos no desconhecido. Não nascemos para sofrer, mas para crescer. Porém, eventos que nos fazem sofrer por medo acontecem em praticamente todas as áreas de nossas vidas. Algumas pessoas nunca saem desse nível e por isso nunca alcançam o outro patamar, o da autoconfiança.
Medo é o oposto do amor.
O medo é o freio da felicidade, da alegria de viver e do crescimento humano. Para deixarmos de ter medo e conseguirmos tudo o que queremos, temos de nos transformar nos príncipes que matam os dragões que impedem a entrada nos castelos das princesas adormecidas, que são a representação da nossa Força Interior, e da grande possibilidade que temos de evoluir e sermos felizes. O medo impede-nos de usar os dons inatos.
Este assunto é ilustrado por muitos exemplos.

PALESTRAS